sexta-feira, 8 de abril de 2016

Os vírus de computador

Foi a partir da década de 90 que as pessoas começaram a adquirir computadores para uso pessoal. Aos poucos foram surgindo diversas escolas oferecendo cursos de informática básica, onde os alunos podiam aprender noções de sistema operacional, na época o Windows 3.11, e usar superficialmente aplicativos como o Word, Power Point e Excel. Mas sem antes passar pelo Paintbrush...

Dona Esmeralda, ouvindo algumas notícias sobre um tal de vírus de computador, logo ficou bastante preocupada com seu netinho, João Miguel. Um dos pioneiros da área de Tecnologia da Informação na cidade em que morava, João Miguel era programador e instrutor de diversos cursos para usuários básicos e avançados. Por mais que fosse já um profissional competente, para Dona Esmeralda ele  era o Joãozinho, seu netinho amado!

- Joãozinho, meu querido! Cuidado com esses tais vírus de computador... Eles são muito perigosos! - alertou Dona Esmeralda - Você já pensou em usar máscaras e luvas para trabalhar? Não quero que você pegue um vírus desses e fique mal de saúde...

Joãozinho, quer dizer, João Miguel compreendeu perfeitamente a preocupação de sua avozinha, que certamente não compreendia o que era um vírus de computador e acreditou que poderiam ser como os vírus da biologia. Assim, com todo o carinho e paciência do mundo, Joãozinho passou uns vinte minutos explicando à Dona Esmeralda sobre o que é um vírus de computador, que é apenas um software e só infecta as máquinas e que não pode fazer mal nem a ele nem aos demais usuários.

Dona Esmeralda ouviu atentamente toda a explicação de Joãozinho. Ao final, ele perguntou:

- Então é isso. Entendeu, Vó? Está mais tranquila agora?

Com um sorriso no rosto e olhar tranquilo, Dona Esmeralda respondeu:

- Claro, querido. Entendi tudinho. Mas, para deixar sua Avó tranquila, por favor sempre use luvas e máscaras quando for trabalhar no computador, tá?

Nenhum comentário:

Postar um comentário